Rodrigo Garcia anuncia que próxima gestão terá mais de R$ 32 bilhões em caixa

portalnbo
portalnbo
3 Min Read



Em conferência internacional em Nova York , governador também confirmou investimento recorde e êxito fiscal da atual administração



O governador Rodrigo Garcia confirmou que o Governo de São Paulo vai fechar o biênio 2021-22 com recorde de R$ 50 bilhões em investimentos públicos, além de R$ 32,2 bilhões em caixa para a próxima administração.

Os dados foram apresentados nesta terça-feira (15), durante uma conferência internacional em Nova York sobre a economia brasileira a partir de 2023.

“Nosso governo vai alcançar investimento público recorde de R$ 50 bilhões nos últimos dois anos, além de um caixa de mais de R$ 32 bilhões para a futura administração estadual. São Paulo tem as contas públicas saneadas como há muito não se via. Isso é decisivo para atrair investidores e gerar mais emprego, renda e progresso social”, afirmou Rodrigo.

Rodrigo foi um dos palestrantes do evento LIDE Brazil Conference New York, promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais, com apoio institucional da Câmara de Comércio Brasil-EUA.

O evento reuniu investidores brasileiros e internacionais para um ciclo de apresentações de autoridades públicas como o ex-presidente Michel Temer, ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), empresários e economistas de destaque no Brasil.

No relatório apresentado durante a agenda internacional, Rodrigo também destacou os índices positivos de São Paulo em relação à dívida pública (1,20) e a gastos com pessoal (38,7% no Executivo e 45,43% em todos os poderes estaduais). Ambos estão no nível mais baixo da série histórica e distantes dos limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

“São Paulo é o estado mais desenvolvido do Brasil porque reúne economia diversificada, mão de obra altamente qualificada e um grande parque tecnológico e científico. Mas também porque fez as escolhas certas na administração pública. Na gestão que iniciamos em 2019 e vamos concluir ao final de 2022, o rigor fiscal e a eficiência nos gastos permitiram resultados históricos”, acrescentou.

O governador ainda falou sobre o programa de desoneração estadual para fomentar investimentos privados e liberação de créditos para o setor produtivo. Neste ano, o Governo de São Paulo intensificou o combate à chamada guerra fiscal com devolução ampliada de créditos acumulado do ICMS, regulamentação para benefícios tributários e novos instrumentos para financiamento do setor produtivo.

A partir de 2023, Rodrigo acredita que os bons resultados econômicos e fiscais de São Paulo poderão servir de modelo para um novo plano nacional de desenvolvimento e geração de emprego. O governador também voltou a defender a revisão do pacto federativo para que Estados e municípios possam ampliar investimentos públicos e fortalecer as gestões locais.

Helia Araujo

PUBLICA

Share this Article
Leave a comment
YGYGYGYGYGYGYGY (Copia)